TV JCN: 12ª CAMINHADA DOS PEREGRINOS DE NOSSA SENHORA DOS REMÉDIOS 2016

1 de dezembro de 2014

“NÃO VOU MUDAR EM NADA E CONTINUAREI VIGILANTE”, DIZ IRON JÚNIOR EM ENTREVISTA A RÁDIO CABUGI DO SERIDÓ


O vereador Iron Júnior (PSD) concedeu entrevista neste sábado (29) aos radialistas José Wilson e Magno César no Super Jornal da Cabugi em Jardim do Seridó. Inicialmente Iron falou dos motivos que o levaram a não apoiar Amazan (PSD) para deputado estadual. Segundo informou, Amazan só deixou pra oficializar a sua candidatura quando ele e todos do seu grupo já haviam assumidos outros compromissos. “Participamos de várias reuniões e ele (Amazan) nunca externou esse desejo. Só tomamos conhecimento da sua decisão pela imprensa”, se queixou o parlamentar. 

Sobre a eleição para presidente da Câmara Municipal que ocorrerá na próxima terça-feira (2), Iron Júnior disse que inicialmente houve um acordo entre os vereadores da oposição para quem conseguisse um voto da situação os demais o acompanhariam. “Acontece que eu consegui viabilizar dois votos da outra base e quando procurei os vereadores da oposição percebi que o acordo já não estava mais de pé. E até onde eu sei Gilberto Brito e Geralda Medeiros vão votar em Ozires Neto”, confessou Iron. 

O vereador ainda disse que quando viu que não reuniria condições de vencer recuou e só depois surgiu o convite do vereador Dedé do Consórcio (PDT) para o mesmo fazer parte da sua chapa como vice-presidente. No entanto, Iron falou que continuará o seu trabalho da mesma forma e desconhece a informação de uma possível renúncia de Dedé para assim ele assumir a presidência da Casa. “Vou fiscalizar e fazer as denúncias ao Ministério Público quando for necessário. Eu não vou mudar em nada e continuarei vigilante”, adiantou.

Sobre o seu voto favorável à criação da Contribuição para Custeio do Serviço de Iluminação Pública (CIP), Projeto de Lei aprovado na última sessão ordinária da Câmara Municipal, Iron Júnior esclareceu que votou em prol da população. “As pessoas que moram na Zona Rural, baixa renda e que consumem até 30 kWh/mês estão isentas, ou seja, não vão pagar a contribuição”, explicou o vereador. E anunciou os benefícios: “A Prefeitura Municipal a partir de abril de 2015, tem até 48 horas para resolver, por exemplo, o problema de uma luminária apagada”.

Antes de ser entrevistado, o vereador Iron Júnior prestigiou a 10ª edição do Programa Defensoria Pública na Comunidade realizado na Escola Municipal Professora Calpúrnia Caldas de Amorim. Na ocasião, a população teve acesso ao atendimento da Defensoria Pública, a serviços de atendimento médico e odontológico, confecção de CPF e Carteira de Trabalho, orientação sobre Bolsa Família e PRONATEC, atendimento previdenciário para segurados do INSS e corte de cabelo, entre outros.

Nenhum comentário: