TV JCN: 12ª CAMINHADA DOS PEREGRINOS DE NOSSA SENHORA DOS REMÉDIOS 2016

20 de outubro de 2014

SOBRE ROBINSON LANÇAR AMAZAN COMO CANDIDATO, VIVALDO DISPARA: “TUDO QUE ELE PODERIA FAZER PARA ME DERROTAR, ELE FEZ”


Em entrevista concedida as rádios de Caicó, Vivaldo falou da candidatura de Amzan e disse que foi o candidato a governador Robinson, quem incentivou e organizou a campanha do sanfoneiro, para derrota-lo. “Sem dúvida nenhuma Robinson foi quem teve a ideia de colocar Amzan para me derrotar. Mas política é uma guerra e não podia esperar que Robinson fosse me poupar. Tudo que ele poderia fazer para me derrotar, ele fez. Faz parte do jogo, não tenho mágoas nem ressentimentos. Se eu pudesse ter derrotado Robinson no primeiro turno eu também teria feito o mesmo que fez comigo”. 

Vivaldo diz que não guarda ressentimento. Lembrou que seria muito importante para o Seridó eleger o maior número de deputados possíveis. “Amazan transformou-se na novidade. Era o candidato mais expressivo que apoiava Robson. O crescimento de Amazan foi principalmente em cima dos meus votos. Se Amazan não tivesse sido candidato teríamos uma votação completamente diferente. Não estou culpando, nem chorando, o jogo político é esse mesmo. Amazan teve uma votação expressiva e o Papa pagou o pato”.

Vivaldo faz avaliação da sua votação no estado e reitera compromisso de votar em Henrique 

O deputado Vivaldo Costa (PROS) concedeu entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (20) para as rádios de Caicó. O deputado agradeceu sua votação para o legislativo estadual, fez uma avaliação do primeiro turno e reiterou seu compromisso de votar para governo do estado em Henrique Alves e João Maia. 

Vivaldo disse que ficou feliz com o reconhecimento do povo caicoense que o fez ser o deputado mais votado. “É altamente confortador depois de quarenta anos de vida pública, após disputar dezenas de eleições, abrir as urnas e ser o mais votado em Caicó, que é o maior colégio eleitoral do Seridó, com uma votação altamente gratificante”. 


Quando analisa seus votos por regiões, Vivaldo começa pelo Seridó e diz que a votação foi boa, embora tenha diminuído. No Trairi o parlamentar considera muito boa. Já no Agreste ele diz que foi bem abaixo da perspectiva. Em Natal também não conseguiu repetir a votação da última eleição, já na grande Natal o Papa Jerimum diz que teve uma votação surpreendente.

Nenhum comentário: