TV JCN: 12ª CAMINHADA DOS PEREGRINOS DE NOSSA SENHORA DOS REMÉDIOS 2016

20 de outubro de 2015

PESSOAS COM DEFICIÊNCIA RECEBEM ACOLHIMENTO DIFERENCIADO EM NATAL

Alojamento para residentes: estrutura adaptada a necessidades especiais (Foto: Alex Régis)

O acolhimento de pessoas com deficiência e em situação de dependência, que não disponham de condições de autossustentabilidade ou de retaguarda familiar, ganhou um novo capítulo na capital potiguar com a inauguração da Residência Inclusiva, inaugurada há duas semanas pela Prefeitura de Natal. Esta é a primeira casa do gênero no Rio Grande do Norte. Seus serviços ficam a cargo da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtas).

A abertura do espaço representa um marco nos serviços da assistência social do Município, além do cumprimento de mais uma meta do Plano Nacional da Pessoa com Deficiência no eixo do atendimento inclusivo. A coordenadora do setor de Alta Complexidade da Semtas, Ivana Vieira, explica que a residência é o último recurso dos usuários do sistema de assistência social em Natal. “Quando todas as possibilidades de convivência entre as pessoas com deficiência e seus familiares se esgotam, e quando não há a menor chance do usuário se manter sozinho, é que ele é encaminhado para o nosso serviço”, explica ela.

Os usuários são encaminhados pelas equipes dos Centros de Referencia de Assistência Social (CRAS) ou pelos Centros de Referencia Especializados de Assistência Social (CREAS) espalhados pelas quatro regiões da capital potiguar. As equipes fazem toda a investigação da realidade dos usuários, suas rotinas e constatam se eles, de fato, encaixam-se no perfil para o qual a casa se destina.

Nenhum comentário: